Acesso à InformaçãoPortal Brasil  
    Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária
Página Inicial Notícias Consórcio Pesquisa Café apresenta retrospectiva 2009
Consórcio Pesquisa Café apresenta retrospectiva 2009 Imprimir E-mail
Dom, 03 de Janeiro de 2010 21:00

Augusto Barraque/IncaperO balanço de 2009 das ações do Consórcio Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento do Café, cujo programa de pesquisa é coordenado pela Embrapa Café, revela a consolidação e o amadurecimento do setor de pesquisa, voltado para facilitar a transferência de conhecimento e a adoção de novas tecnologias. Com nova logomarca e passando a ter o nome síntese Consórcio Pesquisa Café, foi mantido em 2009 o enfoque na integração entre os agentes da cadeia, na cooperação entre as mais de 45 instituições e no empenho de pesquisadores, professores, extensionistas, estudantes de graduação, pós-graduação, bolsistas e estagiários. Relembrar estas ações ajuda a compreender a importância deste modelo singular de integração: pluralista e democraticamente participativo. Dentre inúmeras pesquisas e ações de transferência de tecnologia realizadas por instituições do Consórcio, algumas mereceram destaque. Reveja algumas delas:

Janeiro

Em um ano de realização de mais um Simpósio de Pesquisa dos Cafés do Brasil, pesquisadores e dirigentes das instituições consorciadas iniciaram os preparativos para o maior evento realizado pelo Consórcio Pesquisa Café. A Embrapa Café e o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) começaram a elaborar a programação do evento, realizado de 02 a 05 de junho, em Vitória (ES). Em janeiro, foi definido o tema “Inovação Científica, Competitividade e Mudanças Climáticas” para o debate central da 6ª edição do Simpósio.

Fevereiro

A Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) lança mais um Informe Agropecuário, reunindo aspectos relevantes do planejamento e gerenciamento da atividade cafeeira. A Epamig é uma das instituições fundadoras do Consórcio e a publicação contou com a participação de autores de importantes instituições participantes. Também foi lançado o site oficial do VI Simpósio de Pesquisa dos Cafés do Brasil, já com informações sobre o evento e os trabalhos científicos aprovados.

Março

Em visita ao Brasil, representantes angolanos visitaram a sede da Embrapa Café, em Brasília, e ressaltam a importância do retorno do café para a geração de renda aos agricultores familiares daquele país. Também em março, a União Internacional para Proteção das Obtenções Vegetais (UPOV, em inglês) disponibilizou as diretrizes internacionais para harmonizar a avaliação de distinção, uniformidade e estabilidade (DHE) para a proteção de novas cultivares de café. A elaboração do documento foi uma iniciativa brasileira, com a coordenação do Serviço Nacional de Proteção de Cultivares (SNPC), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Pesquisadores do Instituto Agronômico de Campinas (IAC), Instituto Agronômico do Paraná (Iapar), Incaper e Epamig contribuíram para a formulação das diretrizes e definição das características padrões a serem avaliadas (descritores do café).

Abril

Jurema CamposO pesquisador da Epamig, Antônio Alves Pereira, conhecido como Tonico, recebeu da Embrapa o Prêmio Frederico de Menezes Veiga, condecoração oferecida a pesquisadores que contribuíram com os mais relevantes resultados de pesquisa para a agricultura tropical. Reverenciado por seus pares, Tonico é conhecido pela dedicação de mais de 40 anos de pesquisa com o melhoramento genético do cafeeiro, com ênfase especial para o desenvolvimento de cultivares com resistência à ferrugem. O prêmio foi entregue a Tonico pelo ministro da Ciência e Tecnologia, Sérgio Machado Rezende.

Evair Vieira de Melo assume a presidência do Incaper. Especialista em cafeicultura empresarial e com experiência destacada sobre a cafeicultura capixaba, Evair anuncia a intenção de direcionar as ações de pesquisa para a diferenciação do café robusta e arábica, com o incentivo à qualidade dos cafés do Espírito Santo.

Acontece em Campinas (SP), na Fazenda Santa Elisa, do IAC, a primeira reunião do ano do Conselho Diretor do Consórcio. A reunião segue a nova diretriz de ser realizada de forma itinerante, para maior integração de todas as instituições consorciadas. No Sul de Minas, pesquisadores que estudam o café também estiveram reunidos para discutirem os rumos das pesquisas, de forma a estruturar maior número de parcerias para o desenvolvimento da cafeicultura de montanha.

Maio

A Embrapa disponibiliza a chamada 2009 para o desenvolvimento de projetos de pesquisa e desenvolvimento do café com o apoio financeiro do Consórcio Pesquisa Café. As linhas de pesquisa prioritárias foram elaboradas conforme a Agenda Estratégica do Agronegócio Café, definida pelo Conselho Deliberativo da Política do Café (CDPC) e os fundamentos do Sistema Embrapa de Gestão (SEG).

Também em maio é definida a montagem, durante o período do VI Simpósio, da exposição “Cândido Portinari: num pé de café nasci”, do artista consagrado que mais retratou o café ao longo de sua obra, além de uma palestra, na programação do evento, pelo filho do artista, João Cândido Portinari.

Junho

É realizado, no Centro de Convenções de Vitória (ES), o VI Simpósio de Pesquisa dos Cafés do Brasil, com cerca de 700 participantes e apresentação de mais de 400 trabalhos científicos. Na cerimônia de abertura, foi lançada a nova logomarca do Consórcio que passa a ser chamado pelo nome síntese Consórcio Pesquisa Café. O Incaper foi a instituição anfitriã do evento, que contou com a presença do governador do Estado do Espírito Santo, Paulo Hartung, e de diversas lideranças do setor. Pela primeira vez, o Simpósio é transmitido, ao vivo, por três páginas na internet, durante todo o período de realização do evento.

Pesquisadores ligados ao Consórcio expõem tecnologias no VII Congresso Brasileiro de Sistemas Agroflorestais. Um dos destaques foi o projeto relativo à implementação da cafeicultura orgânica para cafeicultores familiares de Alto Paraíso de Goiás. Realizado em Luziânia (GO), o Congresso teve como tema: “Diálogo e Integração de Saberes em Sistemas Agroflorestais para Sociedades Sustentáveis”.

Julho

O projeto Bancos de Germoplasma de Coffea e espécies afins recebeu o prêmio Embrapa 2009 na categoria parceria. O projeto é liderado pela Embrapa Café e executado em parceria com o IAC, Iapar, Incaper, Epamig, Universidade Federal de Viçosa (UFV) e Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia.

A revista Coffee Science, primeira revista científica dirigida ao setor cafeeiro, é indexada a mais uma importante base de dados, o CABI. Com isso, os artigos completos publicados pela revista serão disponibilizados como “textos completos” para todos os pesquisadores do mundo. Coffee Science é uma publicação semestral vinculada à Universidade Federal de Lavras (Ufla) e ao Consórcio Pesquisa Café.

Agosto

Em agosto, a comunidade virtual Manejo da Lavoura Cafeeira, ligada ao Consórcio, comemorou a marca histórica de 500 mil visitas. Com mais de mil membros e a participação ativa de colaboradores, a comunidade se consolida como ferramenta de relacionamento para agregar conhecimento, inovação e competitividade dentro do sistema agroindustrial do café.

Neste mês, o 5º Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, realizado em Guarapari, Espírito Santo, teve número recorde de 975 trabalhos inscritos para apresentação oral e pôster. O “Melhoramento do Café” foi um dos temas em destaque.

A Embrapa Café mostrou resultados das pesquisas cafeeiras para parlamentares que participaram de Dia de Campo na Embrapa Cerrados, em Planaltina (DF).

Ainda em agosto, pesquisas realizadas no âmbito do programa Café e Saúde, foram destaque do Programa Globo Repórter, com a participação do professor Darcy Lima, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), coordenador do programa Café e Saúde no Consórcio. Também foi realizado, em Campinas, no IAC, o IX Curso de Atualização em Café. Na programação, palestras sobre melhoramento do cafeeiro, fertirrigação, cultura de tecidos, qualidade da bebida, monitoramento agrometeorológico, produtividade e custos de produção.

Setembro

O “café, suas perspectivas e desafios” foi tema do 9º Simpósio Regional de Cafeicultores da Região do Caparaó, realizado no município de São José do Calçado (ES). Cerca de 400 produtores participaram do evento que reuniu renomes nacionais da pesquisa cafeeira.

Pesquisadores da Embrapa Café participaram, pela primeira vez, de treinamento na Embrapa Informática Agropecuária, em Campinas (SP), para a Construção da Árvore do Conhecimento em Café, que fará parte da Agência de Informação Embrapa. O objetivo é que os pesquisadores atuem como multiplicadores do conhecimento adquirido, dentro de um sistema que possibilita a organização, o tratamento, o armazenamento, a divulgação e o acesso à informação tecnológica.

Em setembro, duas publicações foram lançadas por instituições fundadoras do Consórcio. O Informe Agropecuário, publicação tradicional da Epamig, enfocou o tema agricultura familiar, que representa a maior parte das propriedades cafeeiras. O Centro de Café Alcides Carvalho, do IAC, também lançou a terceira edição do Informativo Café, publicação trimestral que traz as novidades do programa café do Instituto.

O gerente geral da Embrapa Café, Aymbiré Francisco Almeida da Fonseca, participou, em Petrolina (PE), de um esforço realizado por várias instituições com o objetivo de conhecer o potencial da região semi-árida nordestina para produzir café conilon. O objetivo é contribuir para o desenvolvimento da região por meio da produção de café irrigado no Vale do São Francisco. Pesquisadores do Consórcio também participaram, em Patrocínio (MG), do 17º Seminário do Café do Cerrado.

Neste mesmo mês, foi realizada a primeira reunião dos profissionais da Embrapa Café em comemoração ao seu 10º aniversário. A Embrapa Café foi criada com o intuito de, além de desenvolver tecnologias para o agronegócio café, coordenar as pesquisas que são realizadas no âmbito do Consórcio Pesquisa Café. Também foi comemorada a concretização do primeiro Plano Diretor da Unidade (PDU), com o registro de suas diretrizes em alinhamento à Embrapa.

Na reunião anual do Conselho da Organização Internacional do Café (OIC), em Londres, Inglaterra, as pesquisas brasileiras sobre Café e Saúde foram destaque com a exibição de um vídeo do programa Globo Repórter. A gerente adjunta técnica da Embrapa Café, Mirian Eira, representou o Consórcio Pesquisa Café na comitiva brasileira.

Outubro

O pesquisador da Embrapa Café, Luiz Filipe Protasio Pereira, que realiza suas atividades junto ao Laboratório de Biotecnologia do Iapar, participou, na cidade de Montpellier, França, do IV Workshop do CIBA (Consórcio Internacional em Biologia Avançada). Esta é a quarta vez que o pesquisador é convidado pelo Labex Embrapa Europa a participar do evento.

As tecnologias de impacto geradas pelo Consórcio Pesquisa Café foram apresentadas no 11º Encontro de Café com Qualidade, realizado no auditório do Departamento de Engenharia Florestal da UFV, em Viçosa (MG). O tema do encontro este ano foi “Sustentabilidade da cultura do café: otimização da fertilização, maquinaria para colheita, adensamento e métodos de aplicação de fungicidas”.

Também em Viçosa, a Embrapa Café e o Departamento de Economia da UFV lançaram o livro Mercados interno e externo do café brasileiro, escrito por renomados estudiosos e editado pelo engenheiro agrônomo, pós-doutor em economia aplicada e pesquisador da Embrapa Café, José Luis dos Santos Rufino e pelo economista e doutorando em Economia Aplicada pela UFV, Alan Figueiredo de Arêdes.

O Museu do Café de Santos inaugurou a exposição “ Intercâmbio entre as culturas França e Brasil, cafés, feiras e ciência ”, que permitiu ao visitante uma viagem no tempo por meio de fotografias, maquetes e painéis relativos ao assunto. A exposição foi promovida pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, em parceria com o governo do Estado de São Paulo, e faz parte das comemorações do ano da França no Brasil.

Foi realizado em Poços de Caldas (MG) o Simpósio de Cafeicultura Familiar, com coordenação científica do IAC e o apoio do MAPA e do Consórcio Pesquisa Café.

Pesquisas relacionadas ao Projeto Genoma Café foram mostradas pela Embrapa Café e pela Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, em Brasília (DF). Também em outubro, a Fundação Procafé realizou, em Araxá (MG), o 35º Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras. Além da apresentação de trabalhos de pesquisa de todas as regiões brasileiras, o congresso contou com a realização de seminários sobre os mais variados e atuais temas relacionados à cafeicultura.

Novembro

Por iniciativa do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé) foi lançado na Internet o Programa Café Seguro (www.cafeseguro.com.br) para conscientização dos cafeicultores sobre a importância das boas práticas agrícolas e, em especial, sobre o uso correto dos agroquímicos aplicados nas lavouras. Também em novembro, o Centro de Inteligência em Mercados (CIM), da Ufla, em parceria com o Polo de Excelência do Café (PEC), lançaram o Sistema de Gerenciamento de Custos de Produção – AgroCustos. Fundamentado em lógica contábil e gerencial, o sistema contribui para o planejamento e o gerenciamento de propriedades rurais por meio de mecanismos simples e amigáveis.

Foi apresentada na Biomicroworld 2009 - Conferência Internacional Sobre Microbiologia Ambiental, Industrial e Aplicada, em Portugal, tecnologia desenvolvida por pesquisadores da Epamig e Ufla. A biofábrica é capaz de isolar microorganismos que podem ser utilizados para a adsorção dos metais existentes no solo, para a solubilização do fosfato, a produção de enzimas e até para a purificação da água utilizada na agricultura.

Dezembro

A Legislação Ambiental e a Cafeicultura de Montanha da Zona da Mata de Minas Gerais foram temas debatidos em encontro realizado no Departamento de Economia Rural da UFV, com a participação de cafeicultores, técnicos e lideranças locais. Neste mês também foi divulgada a pesquisa realizada pelo pesquisador da Embrapa Café Carlos Henrique Carvalho sobre a propagação comercial da espécie Coffea arabica por meio de mudas clonais via embriogênese somática.

Pesquisadores do Centro de Ecofisiologia e Biofísica do IAC concluíram que a anormalidade ocorrida na floração do cafeeiro em 2009, nas principais regiões produtoras, estaria relacionada às condições climáticas atípicas, principalmente à distribuição das chuvas ocorridas no período indutivo da formação de gemas florais e à ausência de um período seco no inverno, necessário à uniformização e maturação das gemas florais.

A Embrapa Café disponibilizou aos coordenadores institucionais das instituições participantes do Consórcio os pareceres consolidados das propostas de projeto encaminhadas à Chamada 20/2009. Depois de reformuladas, as propostas deverão ser reencaminhadas até o dia 18 de janeiro próximo. Também foi aberto, analisado e divulgado o pedido para renovação e concessão de novas bolsas do Consórcio Pesquisa Café, referentes ao 1° semestre de 2010.


Cibele Aguiar - MTb 06097/MG
Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.
http://sac.sapc.embrapa.br